Nutrição

Duração média: 4 anos

Por um prato mais nutritivo e saudável

Nos últimos anos, a preocupação com a má alimentação e com distúrbios alimentares que levam à obesidade só aumentou. Dados do Ministério da Saúde apontam que cerca de 17,5% da população brasileira é obesa, e mais da metade está acima do peso. Para reverter esses números, o profissional mais capacitado – que melhor investiga e controla a relação do homem com o alimento – é o nutricionista.

No Brasil, as empresas de alimentação coletiva são uma das maiores empregadoras do profissional. Elas são contratadas para desenvolver cardápios e controlar a qualidade do alimento servido em refeitórios de empresas. Com o acompanhamento diário das dietas dos funcionários e a compreensão da rotina de exercícios, os nutricionistas vão adequando os cardápios até encontrar a dieta perfeita para cada grupo de colaboradores.

Outro nicho para os nutricionistas são as indústrias de alimentos. Lá, o profissional fica responsável pelo desenvolvimento de novos produtos e pelo controle de qualidade. Além de buscar combinações saborosas, um grande desafio é encontrar dietas nutritivas e saudáveis aos clientes finais, para que os produtos que chegam aos supermercados possam melhorar, dentro do possível, a qualidade de vida dos consumidores.

Perfil do profissional de Nutrição

O nutricionista é um profissional dinâmico. Para estudar e aplicar as melhores dietas alimentares, precisa estar com um pé nas pesquisas e outro no consultório, em conversas com o paciente. E isso vale tanto para os que trabalham com nutrição clínica quanto para aqueles que optam pela saúde pública e produção industrial. Por isso, antes de entrar na faculdade de Nutrição, pense se você também gosta de:

  • Pesquisar
  • Ouvir pessoas
  • Analisar processos
  • Aplicar e estudar resultados

Áreas de atuação

Há um leque variado de áreas em que o nutricionista pode atuar. Além de empresas de alimentação coletiva, com foco em controle nutricional, e em indústrias, cuja ênfase é no desenvolvimento de produtos alimentícios, há trabalhos bastante divertidos, como ajudar restaurantes na elaboração de cardápios e no controle de qualidade dos pratos.

Nutrição

As áreas de saúde coletiva, nutrição esportiva e marketing estão em crescimento

Outras áreas em crescimento são as de saúde coletiva (especialmente na coordenação de programas de atenção básica e de vigilância sanitária), nutrição esportiva (não apenas para atletas, mas também para pessoas que praticam exercícios e estão interessadas em melhorar o desempenho e a saúde) e marketing (fazendo testes de receitas e testando os serviços de atendimento ao consumidor).

Disciplinas

O curso tem muita semelhança com a Medicina. Disciplinas como fisiologia, anatomia e bioquímica aparecem já no começo da faculdade, mas com um foco em nutrição humana. Aulas práticas ao longo do curso ensinam ao aluno técnicas de preparo e conservação de alimentos, além de investigar as transformações sofridas ao longo do tempo. Algumas das principais cadeiras são:

  • Anatomia Aplicada à Nutrição
  • Bioestatística
  • Biofísica
  • Genética
  • Parasitologia
  • Economia para Nutrição
  • Técnica Dietética
  • Educação Nutricional

Links úteis