Jornalismo

Duração média: 4 anos

Jornal, internet e mundo corporativo: muitas possibilidades para o jornalista

Foi-se o tempo em que a única forma de o repórter buscar informações era ir para as ruas e voltar para a redação com uma notícia rabiscada no bloco de papel. As empresas jornalísticas se aproveitaram do surgimento das novas tecnologias, que tornam a comunicação muito mais eficiente. A internet, por exemplo, mudou não só a cultura de leitura – hoje as pessoas preferem buscar uma notícia na internet em vez de esperar o jornal do dia seguinte – como também a forma de produzir notícia.

Essa é a grande novidade no Jornalismo – há um mercado em constante adaptação. Nos últimos  anos, todos os grandes diários, revistas, canais de televisão e rádios migraram o conteúdo para um portal na internet, embora muitos ainda mantenham o formato original concomitantemente. E para produzir uma notícia com uma linguagem virtual, foram criados novos cargos, para os quais é exigido um conhecimento específico de técnica para a produção na web.

Mas se engana quem pensa que o Jornalismo se tornou um campo só para quem domina as linguagens virtuais. A essência da produção jornalística ainda é a mesma: a luta pela informação capaz de mudar uma opinião. E a influência das coisas que saem no jornal é tanta que muitos consideram o jornal como uma instituição do “quarto poder”, concedendo-lhe a função de fiscalizar o Executivo, o Legislativo e o Judiciário.

As assessorias de imprensa e empresas de conteúdo digital também estão em ascensão, e muitos formados se enveredam por esses caminhos desde o início dos estudos. A área corporativa tem necessitado cada vez mais dos trabalhos dos jornalistas para produzir conteúdos e disseminar suas marcas e conceitos.

Perfil do profissional

Algumas habilidades e interesses exigidos pela profissão são:

  • Gosto pela leitura
  • Saber ouvir
  • Curiosidade
  • Boa comunicação
  • Adaptabilidade
  • Versatilidade

Áreas de atuação

Jornais impressos, rádios, canais de televisão, portais de internet, assessorias de imprensa, empresas, órgãos públicos. Muitos jornalistas preferem, ainda, não serem vinculados a empresas e trabalhar como freelancers.

Disciplinas

Durante o curso, o estudante se deparará com as seguintes disciplinas:

  • Sociologia
  • Redação para TV
  • Redação para rádio
  • Redação para internet
  • Redação para jornal impresso
  • Edição
  • Teoria do jornalismo
  • Assessoria de imprensa
  • Planejamento gráfico

Links úteis