Duração média: 4 anos

Todas as formas de vida

Do ser vivo mais minúsculo ao mais imponente, não importa. Onde houver vida, haverá um biólogo para pesquisar sua origem, evolução, estrutura e funcionamento de organismo. E não só individualmente: é sua função também analisar como os diversos seres se relacionam com o meio ambiente e entre si.

O estudo dessa relação entre o homem e o meio ambiente é, aliás, uma das áreas mais promissoras das Ciências Biológicas. A inovação humana nos últimos cem anos trouxe, de carona, uma preocupação cada vez maior com os ecossistemas e os impactos das ações humanas, com desdobramentos em várias outras áreas.

Mas não pense que o conteúdo da faculdade é aquele que você viu no colégio. A vida do biólogo é bem mais densa. Já nos primeiros semestres, as saídas de campo são bastante intensas e exigem muita atenção e ética na pesquisa. Você vai se deparar com animais peçonhentos como serpentes e insetos, mas ao longo do tempo você se acostuma.

Perfil do profissional

Se o zelo com todas as formas de vida é uma das suas maiores paixões, você deve pensar seriamente em se tornar biólogo. Ainda mais se tiver características como estas:

  • Curiosidade
  • Persistência
  • Paciência
  • Gosto pela natureza
  • Versatilidade

Áreas de atuação

O biólogo atua em três grandes áreas: meio ambiente, saúde e biotecnologia. Na área de meio ambiente, o profissional vai lidar com pesquisas relacionadas à biodiversidade, além de temas relacionados a ecologia e saneamento. Na saúde, o formado trabalha diariamente com análises de laboratório e questões ligadas à saúde pública.

A biotecnologia, por sua vez, trata de temas mais recentes, como engenharia genética e biologia molecular. Além disso, o profissional pode trabalhar no desenvolvimento de programas de computação para pesquisas genéticas, na chamada bioinformática. Para tal, o biólogo também precisa ter gosto por programação e análise estatística de dados.

Por conta da demanda de ensino da disciplina nos colégios, há uma carreira de licenciatura para que o profissional possa dar aula no ensino fundamental e médio. Mas nada impede que ele possa seguir posteriormente para uma carreira de bacharel, para também dar aulas em universidades e atuar na pesquisa e nas demais áreas da Biologia.

Disciplinas

Quem faz bacharelado estuda muito matemática, estatística e física. Já a licenciatura foca em áreas fundamentais, como botânica, genética e ecologia – além, é claro, das disciplinas de pedagogia. Confira algumas cadeiras que você encontra na faculdade, independente da opção:

  • Bioquímica
  • Ecologia
  • Zoologia
  • Genética
  • Bioestatística
  • Embriologia
  • Análise de impacto ambiental
  • Botânica
  • Fisiologia

Links úteis


Fatal error: Class 'WC_Shortcode_Products' not found in /home/vestibular/webapps/site/wp-content/plugins/elementor-pro/modules/woocommerce/classes/products-renderer.php on line 8