UFRGS: saiba tudo sobre o Vestibular 2016

A Comissão Permanente de Seleção (Coperse) divulgou nesta quinta, dia 3, o edital do Concurso Vestibular 2016 para provimento de 4.017 vagas em 91 cursos de graduação. A oferta corresponde a 70% das vagas de ingresso na Instituição. As demais 30% serão providas via Sistema Unificado de Seleção Universitária (SiSU/MEC).

As inscrições deverão ser realizadas exclusivamente pela internet no site www.vestibular.ufrgs.br, de zero hora de 18 de setembro até 23h59min de 13 de outubro. O valor da inscrição é de R$ 110,00. A novidade para 2016 é a oferta do curso Letras – bacharelado: formação tradutor e intérprete de Libras, com 21 vagas, todas para ingresso no primeiro semestre do ano.

Provas a partir do segundo domingo de janeiro – As provas serão aplicadas nos dias 10, 11, 12 e 13 de janeiro, nas cidades de Porto Alegre, Bento Gonçalves e Imbé/Tramandaí. Os candidatos respondem a questões das seguintes áreas do conhecimento: Física, Literatura de Língua Portuguesa e Língua Estrangeira Moderna; Língua Portuguesa e Redação; Biologia, Química e Geografia; e História e Matemática.

No momento da inscrição, é possível optar por utilizar ou não a nota da prova objetiva do ENEM realizado em 2015 no cômputo do argumento de concorrência. O manual do candidato estará disponível para download a partir do dia 18 de setembro, no site do Vestibular.

Cotas – O programa de Ações Afirmativas da UFRGS reserva no mínimo 50% das vagas em todos os cursos para estudantes oriundos de escolas públicas, de acordo com autodeclaração étnico-racial e faixa de renda (conforme edital). Ao todo, são mais de 2 mil vagas destinadas às cotas. Os documentos necessários para comprovações no caso dos candidatos optantes pelas vagas reservadas encontram-se especificados no edital.

Como funciona? Quantas vagas são oferecidas em cada modalidade?

O percentual de 50% de vagas reservadas às Ações Afirmativas destina-se exclusivamente a egressos do ensino médio no sistema público, de acordo com as seguintes categorias:

Ra) candidatos com renda familiar bruta igual ou inferior a 1,5 salário-mínimo nacional per capita.

Rb) estudantes com renda familiar bruta igual ou inferior a 1,5 salário-mínimo nacional per capita, com registro de autodeclaração étnico-racial (preto, pardo ou indígena);

Rc) candidatos com renda familiar bruta superior a 1,5 salário-mínimo nacional per capita;

Rd) alunos autodeclarados e com renda familiar bruta superior a 1,5 salário-mínimo nacional per capita.

Fonte: UFRGS