Verbos terminados em -iar e a maravilhosa regra do Mário

Imagine que você está doente. Uma gripe forte, uns trinta e oito graus de febre. O jeito é comprar um antitérmico ou um outro remédio para amenizar o sofrimento. Ótimo. Você chega para a sua mãe e diz: “mãe, quero que você me remedie!”.

Pausa dramática.

Antes de você saber se esta forma é correta, recomendamos muitíssimo que você assista ao começo desta aula do querido professor Pitta sobre verbos. Ela vai esclarecer um ponto essencial sobre regência, o que vai ajudar você a entender qualquer conjugação daqui pra frente:

captura-de-tela-2016-10-03-as-10-30-39

 

Bom, agora voltamos ao objeto deste texto: está certo dizer remedie? Se remediar termina em -iar, terminação de verbos regulares, e outros verbos como copiar, espiar e variar são conjugados, na terceira pessoa do subjuntivo, como copie, espie e varie, o lógico é que remediar seja remedie, certo?

 

Não. Errado.

O verbo remediar faz parte de uma exceção à regra das conjugações dos verbos terminados em -iar. O correto é: “mãe, quero que você me remedeie“. Soa estranho? Pois é, mas nem tudo precisa ser bonito para estar certo, não é mesmo? 😀

A regra do Mário

O remediar não está sozinho nessa parada. Outros verbos com a mesma terminação também fogem à regra dos regulares terminados em -iar. São cinco os mais importantes: mediar, ansiar, remediar, incendiar e odiar.

São poucos, e tem um macete ótimo que vai ajudar você a nunca esquecer os rebelados verbos do -iar. É a regra do Mário. Por que Mário? Dá uma olhada na tabela abaixo:

 

M Mediar
A Ansiar
R Remediar
I Incendiar
O Odiar

 

Viu que as iniciais dos verbos formam o nome Mário? Simples assim! Não é mágico? 🙂

Uma coisa importante: tem um sexto verbo, mas não é difícil de lembrar. O verbo intermediar, que tem o prefixo inter antes de mediar, segue a mesma lógica.

Agora que você aprendeu a regra, relembre como se conjugam esses verbos nos respectivos tempos:

Presente do Indicativo

Mediar Ansiar Remediar Incendiar Odiar
Eu medeio Eu anseio Eu remedeio Eu incendeio Eu odeio
Tu medeias Tu anseias Tu remedeias Tu incendeias Tu odeias
Ele medeia Ele anseia Ele remedeia Ele incendeia Ele odeia
Nós mediamos Nós ansiamos Nós remediamos Nós incendiamos Nós odiamos
Vós mediais Vós ansiais Vós remediais Vós incendiais Vós odiais
Eles medeiam Eles anseiam Eles remedeiam Eles incendeiam Eles odeiam

 

Presente do Subjuntivo:

Mediar Ansiar Remediar Incendiar Odiar
Eu medeie Eu anseie Eu remedeie Eu incendeie Eu odeie
Tu medeies Tu anseies Tu remedeies Tu incendeies Tu odeies
Ela medeie Ela anseie Ela remedeie Ela incendeie Ela odeie
Nós mediemos Nós ansiemos Nós remediemos Nós incendiemos Nós odiemos
Vós medieis Vós ansieis Vós remedieis Vós incendieis Vós odieis
Eles medeiem Eles anseiem Eles remedeiem Eles incendeiem Eles odeiem

E aí, curtiu? Então compartilhe 😉

Comente

5 respostas para “Verbos terminados em -iar e a maravilhosa regra do Mário”

  1. Conteudo ótimo e artigo sensacional!!! Muitooo Obrigada!!!

  2. ótimo o artigo de vocês , realmente eu me surpreendi e muito! estão de parabéns! Obrigada pelo conteudo!!

  3. Anônimo disse:

    Muito bom !!adorei heheheh

  4. Anônimo disse:

    Amei

  5. Anônimo disse:

    Obrigado!
    Excepcional contribuição.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *