Quem são as pessoas que dão nome às ruas da cidade?

Sabe quando você vai a outra cidade e encontra uma rua com nome igual ao de uma avenida na sua cidade? Isso é mais comum do que parece, e o motivo é simples: muitas estradas brasileiras homenageiam personalidades locais e nacionais.

A bem da verdade, um levantamento de 2012 indica que o nome de rua mais comum no Brasil é “Rua Dois”, seguido de “Rua Três”. As denominações vêm da forma padrão de batizar localidades novas, e muitas vezes o nome provisório acaba ficando permanente. As letras do alfabeto também acompanham essa lógica.

Prepare-se para o Enem 2019!

Receba aulas, dicas e temas de redação para a próxima prova

* preenchimento obrigatório
 

Plano de Estudos para o Enem 2019

Saiba o que estudar a cada semana em uma agenda organizada e fácil de usar. Mais fácil que isso, só a agenda do tempo de colégio 😉 Veja o cronograma

Santos e datas comemorativas

No topo das preferências brasileiras estão, além de números e das letras provisórios, as homenagens a santos. São José é o líder, com 638 ocorrências, e Santo Antônio vem na sequência, com 554 logradouros.

No levantamento dos 100 nomes de ruas mais comuns do Brasil, depois de santos, “Avenida Brasil” é o primeiro que aparece, em 26º lugar. Algumas datas comemorativas também estão lá, bem como o das personalidades a ela associadas. Outras celebridades vêm da literatura e da ciência nacionais. Confira quem são essas personalidades.

1) Dom Pedro I

A primeira data comemorativa da lista, com 428 logradouros e em 37º lugar, é “Rua Sete de Setembro”. O protagonista da data, em que se celebra a independência do Brasil, é Dom Pedro I – que na verdade não aparece na lista dos mais homenageados pelo urbanismo brasileiro.

Príncipe regente do Brasil, o dono do “brado forte” às margens do Ipiranga veio com a família real para o Brasil em 1808, quando os governantes fugiram da Metrópole rumo à Colônia para escapar de Napoleão Bonaparte. Quando o resto da família voltou à Europa, Dom Pedro I ficou.

Não é assinante?

Estude com a gente!

2) Dom Pedro II

A “Rua Quinze” também aparece na lista, na 40ª posição. São 394 ruas que fazem referência ao 15 de novembro, aquele de 1888, quando o Brasil deixou de ser Império para virar República.

Dom Pedro II, o imperador deposto pelo golpe de estado do dia 15 de novembro, ocupa o 88º lugar da lista. Ao todo, 272 ruas homenageiam o membro da família real portuguesa.

3) Tiradentes

Ocupando a 42ª colocação, Tiradentes dá nome a 384 logradouros no Brasil. Herói dos ideais republicanos da elite no Brasil colonial, liderou a Inconfidência Mineira, revolta do também chamada de Conjuração Mineira.

4) Castro Alves

O poeta Castro Alves é o próximo homenageado das esquinas nacionais. Com 331 ruas e em 57º lugar, o autor de “Navio Negreiro” é representante do romantismo na Literatura verde-amarela.

Não é assinante?

Estude com a gente!

5) Duque de Caxias

Não só o marechal carioca Duque de Caxias nomeia 329 ruas, ele também é homenageado por algumas cidades (como no Rio de Janeiro e no Rio Grande do Sul). O militar lutou por Dom Pedro I, no período colonial, e depois por Dom Pedro II, já no Brasil Império.

Além de ter liderado as forças do governo na supressão de movimentos como a Revolução Farroupilha (RS) e a Balaiada (MA), também comandou o exército na Guerra do Paraguai.

6) Ruy Barbosa

Diplomata e escritor, Ruy Barbosa dá nome a 320 ruas brasileiras, e é o 62º da lista. O baiano participou do primeiro governo do período republicano, sendo Ministro da Fazenda de Deodoro da Fonseca e responsável pela chamada política do encilhamento na República da Espada.

7) Santos Dumont

O mineiro que ocupa a 65a posição da lista de nomes mais comuns de ruas tem 306 logradouros em sua homenagem. Seu principal feito foi a invenção do primeiro avião da história, o 14-bis.

Não é assinante?

Estude com a gente!

8) José Bonifácio

Também conhecido como Patrono da Independência, José Bonifácio dá nome a 276 logradouros, o 81º mais citado. Teve papel preponderante na organização da independência e do governo imperial que a ela se seguiu.

E aí, você conhecia todas essas personalidades? Lembrava-se do que elas fizeram para ter o nome escrito na História e nas placas de rua do Brasil? Na próxima que vez que você virar a esquina, aproveite para estudar 😉

Se você curtiu esse post, confira outras dicas em nosso blog e siga a gente no Instagram e no Facebook para estar sempre por dentro de novos conteúdos!

Assine nosso Curso Completo

Opções de pagamento no cartão de crédito ou no boleto, em até 12x! Experimentar 7 dias