Conheça 5 cursos da área da saúde além da Medicina!

Você sempre gostou da área de biológicas e sonha em trabalhar no ramo da saúde? Pensou em Medicina, mas não tem certeza se essa é a área que realmente quer seguir? Não precisa ficar apreensivo, pois as universidades oferecem vários cursos da área da saúde, cada um com um perfil diferente de profissional.

Cada vez mais a sociedade busca longevidade e qualidade de vida, por isso o mercado de trabalho para essas profissões está em alta.

 

Neste artigo, vamos apresentar 5 cursos da área da saúde, detalhando como é a carreira e opções de especialização. Acompanhe a leitura e descubra se alguma das graduações abaixo é a sua cara.

1. Enfermagem

Quem gosta da área da saúde e pretende cuidar das pessoas, realizando desde um curativo até a assistência aos médicos nas cirurgias, pode se dedicar à enfermagem.

A enfermeira ou o enfermeiro trabalha para garantir o bem-estar dos pacientes: realiza exames, monitora o quadro de saúde, administra medicamentos prescritos e atua inclusive em situações de emergência e unidades de terapia intensiva.

O campo de trabalho não se restringe somente aos hospitais: o profissional está presente em postos e unidades de saúde, clínicas médicas, casas de repouso, asilos, escolas, clubes, equipes de salvamento e empresas.

Especializações em Enfermagem:

  • obstetrícia;
  • cuidados intensivos (adulto e neonatal);
  • oncologia (câncer);
  • estamoterapia (feridas agudas e crônicas, drenos, cateteres);
  • saúde da família;
  • nefrologia (rins);
  • cardiologia e hemodinâmica;
  • enfermagem do trabalho.

2. Fisioterapia

A fisioterapeuta e o fisioterapeuta buscam reabilitar a capacidade física e funcional dos pacientes, com massagens, exercícios e uso de equipamentos específicos. Trabalham, portanto, na promoção da saúde com tratamento e prevenção de lesões, fraturas e doenças.

Um campo que vem crescendo é o da ginástica laboral, preventiva de lesões típicas de trabalho repetitivo. O profissional também tem forte atuação junto a esportistas. Os trabalhos incluem atendimento contínuo e pontual, por exemplo, em eventos como Iron Man e maratonas.

Especializações em Fisioterapia:

  • ortopedia e traumatologia;
  • cardiologia e pneumologia;
  • neonatologia;
  • terapia intensiva;
  • dermatologia;
  • estética;
  • esporte;
  • grupos especiais (idosos e portadores de deficiência);
  • fisioterapia do trabalho;
  • neurologia adulta e pediátrica.

3. Fonoaudiologia

Para trabalhar com diferentes aspectos relacionados à comunicação, como fala, voz, audição, linguagem oral e escrita, bem como com as funções de deglutição, mastigação e respiração, existe a fonoaudiologia.

O profissional realiza atividades e atendimentos voltados à prevenção, orientação, reabilitação e terapia de problemas ligados à fala e audição, promovendo a qualidade de vida e saúde dos pacientes.

O fonoaudiólogo pode trabalhar em clínicas, hospitais, escolas e até com profissionais que usam a voz, em emissoras de rádio e televisão.

Especializações em Fonoaudiologia:

  • audiologia;
  • linguagem;
  • voz;
  • área educacional;
  • neurofuncional;
  • fonoaudiologia do trabalho;
  • disfagia (transtornos da deglutição);
  • saúde coletiva;
  • gerontologia (idosos);
  • motricidade orofacial.

4. Psicologia

O profissional da saúde que estuda a mente humana é a psicóloga ou o psicólogo. Trabalha com a saúde mental dos pacientes, o que inclui problemas de comportamento, emocionais e de personalidade, promovendo assim a qualidade de vida de quem busca atendimento.

É um profissional que precisa gostar de se comunicar, analisar e ser bastante paciente. Pode atuar com psicoterapia em consultório, mas também em escolas, clubes esportivos, asilos, hospitais e empresas. Nesse último caso, os campos de seleção e gestão de talentos têm crescido no Brasil, como já ocorre em outros países do mundo.

Especializações em Psicologia:

  • clínica;
  • escolar;
  • esportiva;
  • forense;
  • social;
  • empresarial.

5. Biomedicina

O biomédico trabalha com pesquisas e análises relativas a causas e curas de doenças. Atua na pesquisa de análise de sangue, tecidos, alimentos e plantas em laboratório; e também com o desenvolvimento de medicamentos e vacinas.

Pode trabalhar em diversos locais, como hospitais, laboratórios de análises clínicas, clínicas de reprodução humana, universidades, indústrias, dentre outros.

Especializações em Biomedicina:

  • análises clínicas;
  • hematologia;
  • genética;
  • embriologia e reprodução humana;
  • biossegurança;
  • microbiologia;
  • saúde pública;
  • indústria alimentícia;
  • indústria cosmética.

Para quem está disposto a trabalhar com prevenção, tratamento e promoção da saúde para pacientes de todas as idades pode pensar em um dos cursos da área da saúde que mostramos acima. Todos apresentam um mercado de trabalho que se abre cada vez mais, ou seja, não vão faltar oportunidades para quem buscar a qualificação. Além disso, há excelentes instituições de formação no Brasil para todas essas áreas.

Gostou de acompanhar este post com as dicas de graduação e especialização na área de saúde? Fique por dentro de outros assuntos relativos a carreira e vestibular, curtindo a nossa página do Facebook!