Como variam as propriedades periódicas

Propriedades periódicas são as propriedades químicas cujos valores se repetem periodicamente, assumindo módulos semelhantes para intervalos regulares. Entre as propriedades periódicas mais relevantes, podemos enumerar as seguintes: raio atômico, potencial ou energia de ionização, eletroafinidade ou afinidade eletrônica, eletronegatividade e eletropositividade.

> Se você ainda não sabe o que cada propriedade indica, clique aqui e leia nossa revisão sobre o assunto.

A variação das propriedades periódicas pode ser representada da seguinte maneira:

4 Propriedades periódicas

Observe que a variação ocorre de duas formas na tabela:

1) De cima para baixo e da direita para a esquerda, ou seja, com valores aumentando em direção ao canto inferior esquerdo da tabela; ou

2) De baixo para cima e da esquerda para a direita, ou seja, com valores aumentando em direção contrária ao canto inferior esquerdo da tabela.

 

Para não confundir qual propriedade varia de que modo, faça as seguintes associações:

  • Duas propriedades não têm a letra “N” no nome: raio atômico e eletropositividade.
  • Três propriedades têm a letra “N” no nome: potencial de ionização, eletroafinidade e eletronegatividade.

As duas primeiras variam de uma forma, e as três últimas, de outra.

Agora, observe o seguinte:

  • Raio atômico e eletropositividade (que não têm “N” no nome): As flechas indicativas da variação convergem para o canto inferior esquerdo da tabela.
  • Potencial de ionização, eletroafinidade e eletronegatividade (que têm “N” no nome): As flechas indicativas da variação Não convergem para o canto inferior esquerdo da tabela.

Feitas essas associações, você conseguirá reproduzir as tabelas indicativas da variação das principais propriedades periódicas. Mas vale lembrar: essas associações servem apenas para evitar confusão na hora da prova, o ideal é que você entenda por que cada propriedade varia de determinado modo, e a explicação você encontra em nossa revisão sobre o assunto (clique aqui para acessá-la).

Leia também:
> Isotopia, isobaria e isotonia: como não confundir esses conceitos
> Revisão de Química: Tabela periódica