Aprovada na Fuvest: como o Vestibular.com.br ajudou no caminho até a USP

Se às vezes é difícil revisar o que você aprendeu no
ano passado, imagina após quase uma década fora do colégio?
A paulista Giovanna Vidal Fava encarou o desafio de voltar a estudar e foi aprovada em primeira chamada na USP para a graduação em Letras.

A agora universitária estudou com as videoaulas e o material de apoio do Vestibular.com.br. Aos 26 anos, a jovem de Jundiaí buscou um curso online porque já trabalha e precisava de flexibilidade para estudar.

Prepare-se para o Enem 2019!

Receba aulas, dicas e temas de redação para a próxima prova

* preenchimento obrigatório
 

Plano de Estudos para o Enem 2019

Saiba o que estudar a cada semana em uma agenda organizada e fácil de usar. Mais fácil que isso, só a agenda do tempo de colégio 😉 Veja o cronograma

Escolha do cursinho

“Fui procurando e achei algumas opções, só que o valor do Vestibular.com.br estava muito bom, e achei o site muito legal. E eu pensei que se não conseguisse estudar, ou não passasse, não ia gastar muito”, conta Giovanna. “Isso foi na época do Carnaval, que vocês abriram as aulas. Eu assisti algumas e adorei” continua.

Giovanna começou a estudar usando o Plano de Estudos do Vestibular.com.br. “Mas teve um momento em que as coisas ficaram corridas e tive que priorizar as matérias de Humanas, que tinham mais peso para o meu curso”, explica.

Elogio aos professores

A agora universitária diz ter gostado particularmente do professor de Pitta, de Português. “Ele é maravilhoso, eu ria muito durante as aulas dele, ele tem uma didática incrível”, elogia.

Mas não foi só das aulas do Pitta que ela gostou. “Mega elogio aos professores, que são excelentes, deixam a a aula leve, interessante, dinâmica, que você tem vontade de estudar”, diz em depoimento em vídeo, que gravou no gramado da USP, onde agora estuda.

Troca de carreira

Aos 26 anos, Giovanna já tem diploma em Engenharia Química. Na escola, ela gostava da disciplina e resolveu seguir uma carreira relacionada, mas já na metade do curso percebeu que não era de fato a profissão de seus sonhos.

“Se eu puder dar a dica, eu digo que ninguém tem que decidir nada com 17 anos. Muito provavelmente o que você decidir nessa idade você vai mudar, vai chegar uma hora que você vai pensar que não era bem isso que você queria da sua vida”, aconselha.

Depois de formada engenheira, Giovanna começou a trabalhar como professora de inglês. Foi por isso que a paulista decidiu, em 2018, voltar para a faculdade e obter formação superior na nova carreira.

Rotina de estudos

Para dar conta do trabalho e da preparação para a prova da Fuvest, Giovanna criou uma rotina de estudos. Para ela, a divisão organizada por semanas do Plano de Estudos do Vestibular.com.br ajudou a montar um cronograma que funcionasse com os demais compromissos.

“O segredo é gerenciar a quantidade de tempo que você passa fazendo cada coisa. Você precisa de um tempo sério, compenetrado, mas tem uma hora que não rende mais. Você tem que saber quando parar e desligar um pouco”, recomenda.

Plano de Estudos para o Enem 2019

Saiba o que estudar a cada semana em uma agenda organizada e fácil de usar. Mais fácil que isso, só a agenda do tempo de colégio 😉

Veja o cronograma!

 

Além do trabalho e dos estudos, a caloura da USP também achou tempo para descansar. “É muita coisa, é muito pesado, mas você tem que ter um tempo para você também”, afirma.

Base e revisão

Giovanna destaca que teve uma boa base no Ensino Básico, e que isso a ajudou. Na revisão do Curso Completo do Vestibular.com.br, “muita coisa voltou”, diz ela.

“Teve muita coisa que eu lembrei na hora da prova da Fuvest por causa dos vídeos do site”, destaca Giovanna. “É claro que insegurança sempre bate, mas eu pensei que se não desse, não deu”, pontua.

A jovem de 26 anos ressalta que “se martirizar” não ajuda quem está em busca de uma vaga. “A gente quando é mais novo é muito desesperado, parece que não passar é o fim do mundo. Eu não passei na primeira vez [ao final do Ensino Médio]. Mas o Enem não define quem você é. É o hoje que me define, não o ontem”, reflete.

Dicas de quem passou

Giovanna, feliz da vida com o início das aulas na USP, conta algumas das coisas que fez para chegar à tão sonhada vaga na universidade. Confira:

  • “Você tem que saber gerir seu tempo. Não é impossível seguir o Plano de Estudos
  • “Eu anotava tudo, que nem era na escola, comprei um caderno só pra isso”
  • “Os vídeos têm a opção de assistir um pouco mais rápido, então os conteúdos que eu sabia ou lembrava, eu fazia isso. Ia ouvindo e anotando”

Cursinho online para o Enem 2019

Assine e tenha acesso a mais de 400 aulas em vídeo sobre tudo o que cai no Enem 2019. São vídeos curtos, que você pode parar, voltar, e ver de novo até entender a matéria. O curso inclui exercícios, simulado e correções de redação!

7 dias grátis!

 

  • “Fiz muitas questões também”
  • “Usei o Twitter e os jornais online para me informar. Também aproveitava as redes sociais para tirar algumas dúvidas mais pragmáticas”
  • “Usei o YouTube para procurar resumos de livros, porque não ia ter tempo de ler ou reler. Aprendo melhor com alguém me explicando do que só lendo sozinha”

Quem passou, aprova!

Confira depoimentos de outras e outros estudantes do Vestibular.com.br que também garantiram a aprovação no Enem ou no vestibular!

Conte sua história!

Você também passou e conquistou a tão sonhada vaga na Universidade? Então conte sua história pra gente!

Quem foi nossa aluna ou nosso aluno e garantiu sua aprovação pode mandar um vídeo, como a Giovanna, com foto de bixo e o depoimento para ajudar quem ainda está na luta por uma vaga. Você pode clicar aqui ou falar com a gente no Instagram, no Facebook ou por email!

Assine nosso Curso Completo

Opções de pagamento no cartão de crédito ou no boleto, em até 12x! Experimentar 7 dias