A maior onda do mundo em uma questão do vestibular

Vocês viram que nesta semana divulgaram o tamanho da maior onda da história já registrada? Ela ocorreu em 2013 (mas a medição oficial só saiu agora) no Atlântico Norte, em uma região próxima da Escócia, e chegou a medir 19 metros. É grande, do tamanho de um prédio de seis andares! Fomos pesquisar e descobrimos que até houve uma outra onda também no Atlântico Norte que teria sido maior, em 2002, com incríveis 29 metros; mas nenhum sistema de medição foi utilizado na época.

Assista às nossas aulas:
Biologia
Matemática
Física
Química
Português
História
Geografia

O tamanho dessas ondas é calculado por meio de um sistema de boias, que complementa as medições de navios e satélites para o monitoramento da previsão do tempo. Ela identifica a diferença entre a crista e base e calcula a sua altura.

A equipe aqui do Vestibular.com.br, que adora descobertas e recordes, foi investigar como uma onda pode ser tããão maior que a média de outras ondas mundo afora. Descobrimos que essa região do Atlântico Norte, por estar em uma zona que recebe massas de ar polar com muita frequência, tem um inverno com uma forte circulação de ventos e sistemas de baixa pressão atmosfera, o que causa tempestades e ciclones.

Os fortes ventos fazem com que ondas que estejam em mesma direção em sentido acabem se sobrepondo, gerando uma interferência construtiva, que ocorre quando duas ondas possuem mesma fase.

O assunto é muito legal, gente. Tem uma aula do professor Áureo sobre os fenômenos ondulatórios, que explica direitinho como isso acontece, e traz várias questões que caem nos vestibulares. Confere lá:

captura-de-tela-2016-12-16-as-16-40-29