Primeira Guerra Mundial

Aula exclusiva para assinantes

Assine o Vestibular.com.br e tenha acesso ao melhor conteúdo para vestibulares e Enem.

Experimente 7 dias grátis

Conhecida como a Grande Guerra, foi antecedida pela ascensão de disputas nacionalistas (imperialismo) e pelo que ficou conhecido como Paz Armada. Diante desse equilíbrio delicado, nasceu a política das alianças. A Tríplice Aliança reunia Alemanha, Áustria-Hungria e Itália, sendo que essas duas últimas não se davam muito bem. A Entente Cordiale, também chamada Tríplica Entente, reunia Inglaterra, França e Rússia. O estopim da guerra foi o assassinato de Francisco Ferdinando (filho do imperador austro-húngaro), na Bósnia, região balcânica muito disputada por ser rota de passagem entre Oriente e Ocidente. A Grande Guerra teve três fases: entre 1914 e 1915, houve o posicionamento das tropas; a segunda fase, com o equilíbrio das forças, ficou conhecida como Guerra de Trincheiras. Em 1917, a Rússia saiu da guerra por causa da Revolução Russa, e os Estados Unidos entram no conflito. A Alemanha, por sua vez, foi ficando sem recursos, o que levou à rendição pelo tratado de Paz de Versalhes. Destaque-se que a Primeira Guerra Mundial é tida como conflito de transição, com generais e estratégias do século anterior, porém com armamentos (à época) inovadores, entre os quais se pode citar os primeiros tanques e armas químicas.